24 de outubro de 2008

Khorugh

"Ao passar por tal lugar às margens do rio Kaùnas, Lübeck, um anão comerciante de gemas que havia passado por ali fazia apenas quatro anos, viu-se espantado com a velocidade com que o lugar "surgiu" e se transformou em uma pequena cidade. O povoado se chamava Khorugh, o mesmo nome da floresta negra, imensa e desconhecida, que havia na outra margem do rio.
O anão estava tão surpreso quanto contente pois, ao contrário da última vez em que passára por ali, dispunha agora da oportunidade de descansar em um lugar confortável e seguro.
Com isso, mercadores se lançavam cada vez com mais frequência e menos medo pela antiga rota comercial, contando com o jovem entreposto. Sem dúvida a existência de Khorugh facilitava agora, e muito, a vida dos comerciantes, mas não impedia que restos de fogueiras suspeitas ainda fossem encontrados pelo caminho. Uma boa noite de sono e uma refeição decente não garantiam segurança alguma quanto às áreas mais isoladas da rota.
No dia seguinte, seguindo seu caminho para vender suas gemas em Palana, cidade para a qual se dirigia, refletia o anão:
-Será essa cidade pura comodidade ou apenas um grande atrativo para os que logo espreitarão pelo caminho!?... Logo este pobre povo precisará de tropas..."

Hachuras

Foto que eu vou adotar como AVATAR em todos ambientes sociais - e nem-tão-sociais - da internet.

19 de outubro de 2008

Muito humorístico...


Fazendeiros brasileiros compram tratores japoneses gigantescos e caríssimos para arrastar correntes enormes pelas florestas tombando tudo que há pela frente para que vaquinhas possam pastar, engordar e serem exportadas depois gerando mais dinheiro para estes senhores poderem comprar mais tratores e criar mais vaquinhas e dominarem o mundo. É fato.

Aran Nimcyen


"As tropas dos exércitos élficos e humanos rumaram para o sul para defender o território das cataratas de Afrid. Dentre as tropas, muitos guerreiros jovens pondo à prova a eficácia do treinamento militar pelo qual passaram. [...] Mas depois de tantas batalhas, toda a tropa estava exausta e precisando descançar. Antes de montarem acampamento, até Aran Nimcyen, líder da guarda real élfica conhecido por sua incrível disposição física, não via outra utilidade para sua brava espada se não a de servir como apoio para um breve descanço."

Caras grandes...

Meio-gigante das colinas.
Meio-gigante da Floresta.
Tô repetindo o POST porque achei válido mostrar este desenho nesses outros dois tons.

16 de outubro de 2008

Meio-gigante.


"À luz da lua, a pele esverdeada do meio-gigante ganhava um tom azul tão amedrontante quanto o seu tamanho. Ofegante após a perseguição, segurava ele firmemente a arma, rústica e grotesca, balançando ao rápido ritmo de sua respiração."

5 de outubro de 2008

Soldado

L7 - Pretend We're Dead (tradução)

Oque está por vir com a inovação
Em todas as cidades, por toda a comunidade
Bloqueando estilos esse é o plano
Eles nos tem na palma de suas mãos

Quando nós fingimos que estamos mortos
Eles nao podem escutar uma palavra que tenhamos dito
Quando nós fingimos que estamos mortos

Vire a mesa com a sua personalidade
Sem a moral nem a maioria deles
Acorde e cheire o café
Ou simplesmente diga não à individualidade

Quando nós fingimos que estamos mortos
Eles nao podem escutar uma palavra que tenhamos dito
Quando nós fingimos que estamos mortos

A little samurai.


Um banner que não deu certo.