3 de novembro de 2010

Conde Lautércio Esníper da Lutécia

“Quando anunciam minha chegada nos lugares por onde ando as pessoas sempre ficam esperando um aristocrata gordo e covarde, em vestes de tecido fino, mas se espantam ao ver minha armadura. Acho isso uma indelicadeza da parte deles; por que um conde não pode liderar suas próprias tropas e caçar, ele mesmo, os seus inimigos!? Gosto disso. Acho nobre, aliás. Falta de nobreza é ficar só atrás de uma mesa comendo peru e cobrando impostos. Não tenho paciência para frivolidades...”

Conde Lautércio Esníper, da Lutécia.

Patrono e líder da infantaria de precisão do exército real

.

.

“Uma bala vale mais que mil palavras; com mil palavras não se cunha uma bala!”

Conde Lautércio Esníper, da Lutécia.

.

Hahah

Mais um desenho rápido para não deixar isso aqui muito parado; estou tentando voltar a desenhar personagens retrô à moda steampunk. Gosto dessa sobreposição de elementos clássicos com armas de fogo e equipamentos modernosos. De tempo em tempo, enquanto, distraídos, ajudamos a escrever a história, mal acreditamos quando algumas invenções tornam tudo que temos por “novo”, obsoleto... Este é o barato do retro-futurismo, nada se perde, tudo se soma!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você pode comentar na modalidade "anônimo", sem precisar LOGAR em nenhuma conta.
Sua opinião e crítica são fundamentais; obrigado por comentar!