31 de março de 2010

Quer um desenho do seu personagem de RPG favorito?

Comente este POST com uma descrição detalhada - raça, classe, roupas, equipamento, excentricidades, etc - do seu personagem preferido de RPG e concorra, de graça, a um concept art dele.
Abaixo está o primeiro resultado da "promoção":



O Goblin!
.
"O brinco que eu uso era de uma mulher.
As calças que estou vestindo eram de uma criança humana.
As terras onde eu moro pertenciam a uma tribo de humanos.
O meu machado era de um guerreiro humano.
O meu escudo é um pedaço de embarcação humana.
O que dizer... Eu amo os humanos!"
.
.
"Minha mãe e meu pai eram de tribos Goblinóides inimigas. Certa vez a tribo do papai invadiu a tribo da mamãe e arrasou tudo. Levaram toda comida, mataram todos os guerreiros e violentaram as mulheres. Foi dessa invasão que eu nasci, sou um legítimo filho da violência... Mas eu superei isso! Até o dia em que o bando do papai invadiu a nossa tribo de novo. Naquele dia eu fui o melhor guerreiro da tribo. Matei 7 dos deles e quando vi o papai no campo de batalha corri na direção dele e o golpiei com tanta força que ele nem teve tempo de imaginar quem eu era. Depois disso, levei a cabeça dele para mostrar à mamãe, pensei que ela ficaria orgulhosa, mas ela ficou brava e me chingou. Foi então que também matei aquela velha vadia mal agradecida. Moral da história? Não gosto de assuntos pendentes e gente me enchendo o saco!"
Tiarles M. Rodeghiero

4 comentários:

  1. --->Posso dizer que minha vida começou agora, ou melhor, a 3 meses atrás! Sou Vitor, um meio-elfo ou para alguns, mestiço ou sangue-sujo,vivi durante 7 anos preso com minha irmã num quarto imundo q se situava depois de longos e tortuosos corredores que por sua vez só se conseguiam alcançar se passassem por um labirinto onde eram soltos os mais terríveis assassinos, bárbaros, monstros e bestas para se morrer de fome ou devorado!Não faz muito tempo desde que sai de lá graças a três espadachins, uma maga e uma ladina.Devido ao meu pai humano ter sido morto por heresia e minha mãe elfa não querer sangues-sujos em sua família, agora viajo c/ alguns justiceiros muito habilidosos, uso roupas sujas, meu cabelo loiro está quase a um tom de marron e meus olhos azuis esverdeados já não brilham tanto na luz,Minhas flexas já não tem mais tanta precisão e são poucas!Vivo agora viajando em mições e me aventurando com 3 espadachins, uma maga, 1 ladina,um meio-elfo, minha irmã e um gato preto. (leia meu livro no blog: testandomeulivro.blogspot.com e comente q eu divulgo o seu, nós também podemos cvs sobre as ilustrações do livro, talvez você queira fazer)
    --->Meu nome é Nara, sou uma...ladina...muitos não desconfiam disso devido a minha aparencia,sou morena c/ cabelos lisos até a cintura, eles não desconfiam até perceberem q estão sem seu dinheiro!Entrei em uma missão a pouco tempo q me pagaria muito bem, só oq eu não sabia era q eu não ia poder voltar pra casa!Meus 18 anos estão chegando e a missão mais importante da minha vida vai se concluir,missão q poucos sabem.As botas q uso são roubadas,dentro de cada uma escondo uma faca, assim como tenho mais duas em meu cinto, uma dentro do capuz e uma dentro da minha blusa, bom...digamos q eu gosto de facas, são mais fáceis de manejar que espadas e muito mais fáceis de esconder.Não tenho muito tempo pra falar, eles estão nos procurando, caçando...assascinos ''dentro-da-lei'' querem nossas cabeças em bandejas para entregar a seu querido rei, tudo isso devido a essa estúpida missão de salvar dois mestiços da prisão real, eu..tenho q ir...nos veremos em breve,se eu ainda tiver minha cabeça sobre o pescoço...

    ResponderExcluir
  2. Posso dizer que minha vida começou agora, ou melhor, a 3 meses atrás! Sou Vitor, um meio-elfo ou para alguns, mestiço ou sangue-sujo,vivi durante 7 anos preso com minha irmã num quarto imundo q se situava depois de longos e tortuosos corredores que por sua vez só se conseguiam alcançar se passassem por um labirinto onde eram soltos os mais terríveis assassinos, bárbaros, monstros e bestas para se morrer de fome ou devorado!Não faz muito tempo desde que sai de lá graças a três espadachins, uma maga e uma ladina.Devido ao meu pai humano ter sido morto por heresia e minha mãe elfa não querer sangues-sujos em sua família, agora viajo c/ alguns justiceiros muito habilidosos, uso roupas sujas, meu cabelo loiro está quase a um tom de marron e meus olhos azuis esverdeados já não brilham tanto na luz,Minhas flexas já não tem mais tanta precisão e são poucas!Vivo agora viajando em mições e me aventurando com 3 espadachins, uma maga, 1 ladina,um meio-elfo, minha irmã e um gato preto. (leia meu livro no blog: testandomeulivro.blogspot.com e comente q eu divulgo o seu, nós também podemos cvs sobre as ilustrações do livro, talvez você queira fazer)=D

    ResponderExcluir
  3. Meu nome é Nara, sou uma...ladina...muitos não desconfiam disso devido a minha aparencia,sou morena c/ cabelos lisos até a cintura, eles não desconfiam até perceberem q estão sem seu dinheiro!Entrei em uma missão a pouco tempo q me pagaria muito bem, só oq eu não sabia era q eu não ia poder voltar pra casa!Meus 18 anos estão chegando e a missão mais importante da minha vida vai se concluir,missão q poucos sabem.As botas q uso são roubadas,dentro de cada uma escondo uma faca, assim como tenho mais duas em meu cinto, uma dentro do capuz e uma dentro da minha blusa, bom...digamos q eu gosto de facas, são mais fáceis de manejar que espadas e muito mais fáceis de esconder.Não tenho muito tempo pra falar, eles estão nos procurando, caçando...assascinos ''dentro-da-lei'' querem nossas cabeças em bandejas para entregar a seu querido rei, tudo isso devido a essa estúpida missão de salvar dois mestiços da prisão real, eu..tenho q ir...nos veremos em breve,se eu ainda tiver minha cabeça sobre o pescoço...

    ResponderExcluir

Você pode comentar na modalidade "anônimo", sem precisar LOGAR em nenhuma conta.
Sua opinião e crítica são fundamentais; obrigado por comentar!